Nota de Esclarecimento

publicado 14/11/2019 14h58, última modificação 14/11/2019 14h58

Brasão

Unidade de Inteligência Financeira

Brasil

 

Em relação à matéria publicada pela Folha de S. Paulo, em 14/11/2019, intitulada “Toffoli intima BC e obtém dados sigilosos de 600 mil pessoas; PGR estuda reagir”, a Unidade de Inteligência Financeira – UIF presta os seguintes esclarecimentos:

  • Os Relatórios de Inteligência Financeira - RIF produzidos pela UIF são disseminados exclusivamente por meio eletrônico em um módulo do Sistema de Controle de Atividades Financeiras – Siscoaf denominado Sistema Eletrônico de Intercâmbio – Coaf (SEI-C).
  • A única forma de acesso aos RIF é, portanto, por meio de uma pasta própria do SEI-C, com acesso exclusivo para a autoridade destinatária.
  • Para o acesso à referida pasta é necessário o cadastramento da autoridade destinatária, em procedimento disponível eletronicamente.
  • O STF não teve acesso aos RIF de que trata a matéria.

 

Brasília, 14 de novembro de 2019.

 

Unidade de Inteligência Financeira - UIF