Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2013 > maio > Governo anuncia contingenciamento de R$ 28 bi

General

Governo anuncia contingenciamento de R$ 28 bi

Mantega diz que mesmo com a crise, o Brasil continua com uma política rigorosa de controle de gastos
publicado: 22/05/2013 16h55 última modificação: 26/05/2015 16h49

 

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciou contingenciamento de R$ 28 bilhões na Lei Orçamentária Anual (LOA) para 2013. O valor foi consolidado pela redução de R$ 67,8 bilhões da receita total. O abatimento poderá chegar até R$ 45 bilhões, relativos a investimentos e a desonerações.

O ministro explicou que o resultado primário esperado para 2013 é de 2,3%, podendo chegar a 3,1%, a depender da arrecadação fiscal. "Não estamos prevendo uma receita extraordinária para este ano, estamos trabalhando com parâmetros realistas".

Pelos novos parâmetros, o crescimento estimado do PIB real é de 3,5% para 2013 e a inflação medida pelo IPCA pode chegar a 5,2%. O ministro destacou que os investimentos estão se expandindo e que nos últimos três anos, o investimento público tem crescido acima do valor do PIB. "A projeção para este ano é de expansão dos investimentos de 6% e, para 2014, de 7%", ressaltou Guido Mantega.

A arrecadação das receitas administradas prevista para o ano é de aproximadamente R$ 707 bilhões. Para Guido Mantega, as contas do país estão sólidas e assim se manterão. "Continuaremos controlando a despesa corrente e maximizando os investimentos do setor público", destacou.

De acordo com o ministro, o objetivo do contingenciamento é viabilizar as prioridades do governo, que são a geração de empregos, a retomada do crescimento econômico e a ampliação dos investimentos, "a qual virá com uma consolidação fiscal e com a contenção de gastos de custeio", comentou Mantega.