Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2011 > dezembro > Mais de 4 mil pessoas investiram no Tesouro Direto em novembro

General

Mais de 4 mil pessoas investiram no Tesouro Direto em novembro

publicado: 21/12/2011 00h00 última modificação: 26/05/2015 16h50
Conteúdo multimídia

21/12/2011
Dívida Pública

Mais de 4 mil pessoas investiram no Tesouro Direto em novembro
Programa já possui 271 mil participantes e emissões na ordem R$ 267 milhões

 O estoque da Dívida Pública Federal (DPF) apresentou crescimento de 1,49% em novembro em comparação com o mês de outubro. O valor passou de R$ 1,806 trilhão para R$ 1,833 trilhão. As emissões da DPF foram de R$ 39,96 bilhões e os resgates de R$ 34,30 bilhões, o que resulta numa emissão líquida de R$ 5,66 bilhões.  

Segundo o coordenador de Operações da Dívida Pública, José Franco de Morais, a crise internacional impacta as economias desenvolvidas de todo o mundo, porém a gestão da dívida pública no Brasil está numa situação confortável, pois apenas 11% dos detentores da DPF são investidores não-residentes. “Quem de fato é responsável pela rolagem da dívida pública é o investidor local”, observou.  

Ele lembrou ainda que o Brasil possui o “colchão da dívida pública”, que protege o país de um agravamento do cenário internacional. “Caso a crise piore, podemos ficar até seis meses sem realizar leilões da dívida”.  

O coordenador comentou ainda a composição da DPF em novembro. A parcela dos títulos com remuneração prefixada fechou o mês com 35,99%, se aproximando das bandas do PAF (mínimo de 36% e máximo de 40%). A participação dos títulos indexados a índices de preços caiu de 29,02% (outubro) para 28,01% (bandas do PAF entre 26% e 29%). Os papeis remunerados pela taxa flutuante também tiveram redução, passando de 32,01% (outubro) para 31,50% (bandas do PAF entre 28% e 33%). E, por último, os títulos remunerados pelo câmbio, que fechou o mês de novembro em 4,3% (bandas do PAF entre 4% e 6%).  

“A expectativa é fechar o ano com todos os indicadores dentro das bandas estabelecidas pelo PAF”, afirmou Franco. Ele lembrou, ainda, que amanhã será realizado o último leilão deste ano, somente com emissão de títulos prefixados (LTN).  

Emissão ao BNDES – Franco comentou a última concessão de crédito da União ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Realizada no dia 15 de dezembro, a emissão de LTN e NTN-F somou R$ 15 bilhões. O montante integra o R$ 55 bilhões autorizados pela Lei nº 12.453, de 21 de julho de 2011. O restante (R$ 10 bilhões), segundo ele, poderá ser emitido em janeiro.  

Detentores – O percentual de participação de não-residentes na DPFMi apresentou redução, passando de 11,41% em outubro para 11,39% em novembro. Para Franco, esse percentual é satisfatório para o perfil da dívida. “O Brasil não tem uma enorme necessidade de investidores não-residentes para a rolagem da dívida. Eles são mais importantes por questões qualitativas”.  

Perfil e Custo – Os vencimentos da DPF para os próximos 12 meses apresentaram redução, passando de 23,74% em outubro para 22,73% em novembro. O custo médio acumulado nos últimos 12 meses aumentou em 0,17 p.p., passando de 12,51% a.a. em outubro para 12,68% a.a. em novembro. O custo médio da DPMFi apresentou redução, passando de 12,66% a.a. em outubro para 12,60% a.a. em novembro.  

Tesouro Direto – As emissões do programa em novembro atingiram o montante de R$ 267,03 milhões. Os títulos mais demandados pelos investidores foram os títulos indexados a índice de preços, representando 63,92%. Em relação ao número de investidores, o programa acumulou 271.939 participantes, sendo 4.352 cadastrados em novembro.  

Arquivo de áudio.Download do áudio da apresentação do coordenador de Operações da Dívida Pública, José Franco de Morais.

Duração: 44m20s
Formato: MP3
Tamanho:
5,07Mb
Taxa de bits: 
16 kbps
Acervo: Ministério da Fazenda
Status
: Áudio sem edição

 

Arquivo de áudio.Download do áudio com os comentários do coordenador de Operações da Dívida Pública, José Franco de Morais.

Duração: 1m55s
Formato: MP3
Tamanho:
225 Kb
Taxa de bits: 
16 kbps
Acervo: Ministério da Fazenda
Status
: Áudio sem edição