Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2009 > dezembro > Sonegação pode chegar a R$ 35 milhões. Ação está sendo efetuada na cidade de Natal/RN e cumpre 24 mandados de busca e apreensão

General

Sonegação pode chegar a R$ 35 milhões. Ação está sendo efetuada na cidade de Natal/RN e cumpre 24 mandados de busca e apreensão

publicado: 15/12/2009 23h00 última modificação: 26/05/2015 16h50
Notícias

16/12/2009

Sonegação pode chegar a R$ 35 milhões. Ação está sendo efetuada na cidade de Natal/RN e cumpre 24 mandados de busca e apreensão

A Receita Federal do Brasil, em conjunto com a Polícia Federal, desencadeou nesta quarta-feira, dia 16, a Operação Cristal, para cumprimento de 24 mandados de busca e apreensão, na cidade de Natal/RN. 

As investigações evidenciaram esquema de lavagem de dinheiro, oriundo de crimes contra o sistema financeiro nacional, através de operações ilegais de câmbio e evasão de divisas, com recursos decorrentes do tráfico internacional de entorpecentes. O montante sonegado está estimado em cerca de R$ 35 milhões, apenas em investimentos na cidade de Natal, RN. 

Para efetivação da lavagem de capitais, o esquema contou com a criação de mais de 12 empresas de ramos diversificados, como entretenimento, a exemplo de conhecido e badalado bar e restaurante situado em Ponta Negra, além de construtoras, investimentos em imóveis em regiões valorizadas de Natal/RN e região metropolitana e, inclusive, no ramo de educação, a exemplo da compra de prédios e administração de um colégio de Natal/RN. 

A organização criminosa era capitaneada por espanhóis residentes no Brasil, que figuraram em relatórios do COAF (Conselho de Controle de Atividades Financeiras), por terem acolhido em suas contas bancárias vultosos recursos advindos do exterior. 

O esquema funcionava com a entrada ilegal de dinheiro no país, fruto do tráfico internacional de drogas, utilizando-se do “esquema de malas” via aeroporto e através do fechamento de contratos de câmbio, utilizando-se empresas de fachada. 

Esses valores eram então pulverizados em diversas contas-correntes, em nome de laranjas, sendo por fim utilizado para investimentos em imóveis, hotéis, terrenos, restaurantes e boates, com a finalidade de se incorporar formalmente ao sistema econômico nacional. 

Mais informações poderão ser obtidas junto à Delegacia da Receita Federal do Brasil em Natal/RN. 

Telefone: (84) 3221-2248


 
Fonte: Receita Federal do Brasil - RFB