Você está aqui: Página Inicial > Museu > Casa dos Contos > Exposição "Voyeur", de Rodrigo Câmara

Exposição "Voyeur", de Rodrigo Câmara

Logomarca dos Museus do Ministério da Fazenda

A Casa dos Contos e a Casa Câmara convidam para a abertura da exposição "Voyeur", do designer e fotógrafo Rodrigo Câmara.


Na exposição o artista apresenta fotografias produzidas na Europa entre os anos de 2015 e 2016, com instalação cenográfica interativa.

Associado à intenção estética, o voyeurismo estimulou artistas visuais de várias áreas, incluindo a fotografia, que dão ao espectador uma recompensa pelo tempo que lhe foi tirado.

A exposição é um registro de um tempo, de sentimentos ou até mesmo da ausência deles. Inovador por mostrar um conceito pouco comum do voyeurismo e dos valores sociais e estéticos, em um pequeno recorte do Velho Mundo.

Aquele que vê: observa os outros sem participar, ou tirando fotos, ou gravando momentos íntimos e particulares de outros indivíduos. Por volta de 1830, as primeiras imagens captadas registravam pessoas nas ruas sem que elas soubessem.

No final do século 19, sem autorização, artistas e celebridades tiveram suas imagens eternizadas por fotógrafos que utilizavam máquinas fotográficas escondidas. Hoje, por todos os lados, somos vigiados e observados por alguém. Por curiosidade, segurança ou única e exclusivamente por ocupar nossos olhos e mentes, fato que sempre alguém nos observa ou observaremos alguém. Olhe para o lado. Procure por uma câmera, ou pelos olhos de alguém que te observa e que ao ser percebido, quase certo, furtará os olhos para outro lugar.

O artista

Nascido em Belo Horizonte/MG, Rodrigo Câmara, 39 anos, é designer, cenógrafo, publicitário, mestre em Patrimônio Histórico e Cultural e fotógrafo há 25 anos.

Seus trabalhos fotográficos hoje são autorais e apresentam temas variados, como comportamento, temas sociais e o ócio do olhar.

Pela terceira vez Rodrigo Câmara, em parceria com a Casa dos Contos, apresenta exposição promovendo a arte e a cultura ao público mineiro. Como curador, assina vários projetos em todo Brasil, incluindo o projeto "Senna na cabeça e no coração", com o Instituto Ayrton Senna.

Voyeur (voyageur)

Rodrigo Câmara é Rodrigo-câmera, olhar atento e sensível do fotógrafo desde cedo dedicado à arte da imagem. Ele a surpreende e a capta, com a criatividade do "olho armado" de que fala o poeta Murilo Mendes. O título da exposição, "Voyeur", enfatiza a importância da mirada que perlustra e flagra, contempla e recorta. A raiz ouro-pretana torna-o íntimo da paisagem europeia, cúmplice do detalhe emblemático. Voyeur/voyageur (vedor/viajor), Rodrigo Câmara oferece aos olhos do público a grande viagem da fotografia.

Angelo Oswaldo de Araújo Santos

Secretário de Estado de Cultura de Minas Gerais


A cerimônia de abertura acontece no dia 28 de julho, sexta-feira, às 20h e a exposição fica em cartaz no Salão da Casa dos Contos até o dia 03 de setembro.

A entrada é gratuita e os horários de visitação são os seguintes: terça a sábado e feriados, de 10h às 18h; segunda-feira, de 14h às 18h. Contato do artista: (31) 99137-8434.


Exposição "Voyeur"