Francisco Belisário Soares de Souza

publicado 03/05/2015 15h48, última modificação 09/06/2016 16h02
FRANCISCO BELISÁRIO SOARES DE SOUZA
* Itaboraí - RJ - 09.11.1839 
† Rio de Janeiro - RJ - 24.09.1889

Ministros de Estado da Fazenda

Francisco Belisário Soares de Souza

Graduado em Direito pela Faculdade Paulista. Pertenceu ao Conselho do Imperador; Senador; Diretor do Banco do Brasil de 1873 a 1878. Assumiu a pasta da Fazenda, após insistentes convites do Presidente do Conselho.

Manifestou-se contrariamente à criação de bancos de emissão, por entender que deveria ser criado um banco emissor, com lastro-ouro, que substituísse as notas do Tesouro pelas controversíveis em ouro. Na sua administração destacaram-se:

Anexação das Caixas Econômicas às Tesourarias da Fazenda; regulamentação do executivo fiscal, incumbido do serviço os Procuradores da Fazenda Nacional; derrogação do dispositivo legal que mandava aplicar a renda do Imposto do Selo no melhoramento do meio circulante. Foi considerado como um dos mais esclarecidos orientadores do Brasil-Império.

Na sua bibliografia destaca-se o seguinte:

- Situação atual da cultura do café no Brasil: conferência pronunciada durante a 2ª Exposição de café, realizada no Brasil em 1º nov. 1882. Publicada no Cruzeiro, 10 nov. 1882

- Ministério da Fazenda. Proposta e Relatório apresentados à Assembléia Geral Legislativa na 20ª Sessão. Rio de janeiro, 1887.

- Discursos proferidos na Câmara dos Deputados e no Senado. Rio de Janeiro, 1887. 

Linha azul para separação/organização de conteúdo